sexta-feira, 18 de maio de 2012

Amor aos Pedaços - Blogagem Coletiva 3ª fase "Esperança"


O homem é o único animal que precisa dela para viver: esperança. Sem ela, o ser humano passa pela vida feito zumbi. Amortece suas emoções, vive por viver e muitos não aguentando a falta dela, dão cabo da própria existência. Desde a mais tenra idade, costumamos ter esperança de ganhar um brinquedo em nosso aniversário e Natal. Esperamos passar de ano e fechar com notas altas pra agradar nossos pais. Mais tarde, a esperança bate em nossos corações de forma diferenciada: desejamos encontrar um grande amor. Desejamos ser atrativos para o sexo oposto, ansiamos por formar uma família. Ou, por outro lado, temos outras ambições que também são movidas por ela: como no meu caso, sempre tive esperanças para completar meus estudos e me profissionalizar. Ela nos move para frente sempre. Nos inspira, nos motiva, nos conforta nos momentos de derrota e serve de consolo preparando solo fértil para novas investidas e ganhos.
Sem esperança, a humanidade não teria dado passos tão largos rumo a evolução. Invenções que hoje nos beneficiam jamais teriam saído dos projetos. No entanto ainda tenho uma esperança acalentada em meu íntimo: a de que os homens um dia possam se olhar sem rancor por questões religiosas, políticas, por opções sexuais etc. Parece quase impossível isso diante de tantos absurdos que vemos no dia a dia. Tenho esperança também de ver abolida o preconceito. Sei que tudo isso são esperanças quase que impossíveis de se tornarem realidade. Mas esperança nunca morre. E com ela, esse desejo vive latente aguardando o momento de celebrar o prazer que é viver essa vida!

Esse texto faz parte da blogagem coletiva Amor aos Pedaços 3ª fase "Esperança" promovida pelas blogueiras Rute, Rosélia e Luma

7 comentários:

RUTE disse...

Oi Roseli,
vinha lhe dizer que senti sua falta na 3ªfase, quando dou de cara com a sua participação fresquinha!
Que bom!!

É verdade, por vezes nossa esperança se revela mais como uma utopia do que outra coisa. Também sou assim utópica, querendo uma sociedade irmanada, pessoas cultivando a paz e a cooperação. Vamos ver o que o futuro nos dirá, mas da esperança não abdico.

Beijinhos.
Rute

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida
"O que me importa o tempo e o espaço,
Se trilhei caminhos orvalhados
Em busca do calor do teu abraço?"
(Auxiliadora)

Ser zumbi não é nada bom... sem noção!!!
Vc nomeou tantos motivos que nos dão esperança... bacana demais o seu "hei de vencer"... que a impulsionou!!!

Concedei-lhe, ó Deus, prodigamente, o ORVALHO DO CÉU...
Até o próximo mês, se Deus quiser!!!
Abraços esperançosos de paz

"Jamais desista de ser feliz, pois a vida é um espetáculo
imperdível, ainda que se apresentem dezenas
de fatores a demonstrarem o contrário."
Fernando Pessoa.

Luma Rosa disse...

O amor é mágico!! Nosso amor pela vida nos faz ter esperanças, porque queremos para a nossa vida tudo de bom. A finalidade é sempre encontrar o regaço, a paz e a tão utópica felicidade! Quem vive com o intuito de apenas sobreviver, se torna uma pessoa infeliz!! Muita esperança para a sua vida, Roseli!! E com ela venha tudo o que você tem direito!! Obrigada por participar da blogagem!! Já adicionei o seu link para a 4ª Fase :) Vamos que vamos!! Bom fim de semana!! Beijus,

Georgia disse...

Ro, qdo der passa lá no blog.

Depois volto com tempo para ler teu post porque estamos saindo para as compras.

Bjao e muito obrigada.

Roseli Pedroso disse...

Oi Rute,
Bom te receber por aqui. Olha, sem esperanças não saímos do lugar não é mesmo? Obrigada pela visita e comentário.
Bjs

Roseli Pedroso disse...

Roselia querida seu comentário já é uma prece. Que coisa mais linda! Obrigada pela visita, comentário e carinho. E até a próxima!
Bjs

Roseli Pedroso disse...

Luma obrigada pela visita e comentário. Estou adorando participar de mais uma blogagem coletiva. Isso dá um gás na gente e faz com que reflitamos sobre algo. Isso é bom demais! Até a próxima!
Bjs